Toothpaste Filosophy

Há os dois tipos de pessoas no mundo, os que apertam a pasta de dentes pelo fim, porque entendem que se todos apertarem pelo fim, que a pasta sái sem dificuldade para todos, e o pessoal que se tá a cagar (a humanidade na sua maioria), os do cada um por si, em que os fins justificam os meios, do lucrar á custa dos outros até mesmo quando os "outros" tambem são eles tambem e toca a algo como o planeta, a poluição, merdas assim, mas que eles são demasiado burros para perceber, e que apertam a pasta de dentes pelo meio, porque é mais facil, mais rapido, custa menos... sem nunca percebem que não é, que se todos apertarem pelo fim, o resultado é o mesmo que apertar pelo meio, o problema é serem muitos mais os que apertam pelo meio, que os que apertam pelo fim, e quando depois de todos apertarem pelo meio, chega alguem que aperta pelo fim, não saí nada, porque o meio tá vazio, e temos de empurrar do fim para preencher o vazio que ficou por onde todo o mundo apertou, ou seja, o gajo que faz bem, e aperta pelo fim, tem de apertar por ele e por todos aqueles que não se preocupam com mais ninguem.

E como eu gostava de conseguir apertar pelo meio, mas acho que no dia em que "eu" (leia-se aqueles que pensam como eu), desistir de apertar pelo fim e começar a apertar pelo meio da pasta de dentes, porque está visto que os outros não vão mudar ou aprender, o mundo está irremediavelmente perdido, e eu ainda não estou pronto para desistir de salvar o mundo, ou de achar que o mundo não merece ser salvo, ainda que ás custas daquilo que cobra de mim no processo.

... porque acredito que é uma questão de tempo até seres corrompido pela sociedade e desistir, deixá-los ganhar, ou juntar-te a eles porque não os consegues vencer, por de lado os teus nobres principios e motivações que não deram em nada e não te levaram a lado nenhum, porque afinal, eu sou só um, e eles são tantos. Até porque a maior parte das vezes em que tentei fazer qualquer coisa bem, acertada, fazer do mundo um sitio melhor só consegui com que a minha vida acabasse um bocadinho pior, de todas as vezes que acabei ah pancada porque um tipo que fez qualquer coisa mal, manda vir sem razão, porque buzinei ou lhe chamei a atenção, ou ir a tribunal, ou pagar multas ou sei lá...

É quando percebes finalmente que o nada que o mundo muda, resultado do teu titanico esforço para fazer dele um sitio melhor não compensa aquilo que cobra de ti no processo, que te dás conta de que o mundo não vale a pena.

E sabendo isso, é preciso uma enorme força de vontade, e não sei quanto tempo, quantos anos, ela dura antes de se gastar. Gostava de me conseguir abstrair de tudo aquilo que me incomodam, mas não fazer nada faz com que fique tudo na mesma, porque pior que os que fazem mal, é os que fazem bem não fazer nada, e se assim não está bem, e é preciso mudar, é preciso alguem que motive essa mudança, e não é facil, nunca é facil porque tudo aquilo que merece ser feito, requer tempo, esforço, sacrificio... é isso mesmo, sacrificio... quem sabe o nosso.

"Someone has to take the fall, why not me?"
Free counter and web stats