Não venhas tarde ...

Não ando longe da verdade, se disser que sempre que vejo o mail é na esperança de lá encontrar um teu, e devo de o desejar tanto que de vez em quando o materializo e torno verdade, e lá está ele á minha espera. É, sempre que acontece, o momento mais alto do meu dia.

Antes, deixava passar tanto quanto o tempo em que a tua resposta tinha tardado antes de enviar uma minha, queria que impaciente esperasses pela minha resposta, tal como eu, impaciente, esperava pelas tuas, queria-te mostrar que me fazias falta e esperava que ao fazer-te falta eu também, percebesses o que nunca te disse.

Agora já nem isso consigo e todo o tempo que passa entre a tua mensagem e a minha resposta e unicamente aquele que demoro a pensar em qualquer coisa bonita para te dizer, algo que te faça gostar mais de mim que dele, que te convença a deixá-lo e ficar comigo, tal como planeamos e conspiramos nas mensagens que em segredo trocamos.

- Lembras-te da noite em que... do filme que vimos quando... da musica que tocava na... do sitio onde fomos em... ?

Que ridícula desculpa para uma mensagem, confessa! Não sabes que sim? Lembro-me de tudo isso mais o que tinhas vestido. Não o conseguia esquecer por mais que tentasse, e acredita que já tentei, esquecer-te a ti e a ele e à vossa vidinha de casados. Pagar-te na mesma moeda e ser feliz com alguém, não importa quem, desde que te fizesse morrer de ciúmes.

Querias um post, porque o merecias mais que qualquer para outra para quem já pudesse ter escrito antes. Escrevi-o com a mesma dedicação com que escrevi qualquer uma das mensagens que te mandei, achando que cada uma delas de deixa um passo mais perto de mim, um outro mais longe dele. Sempre acreditei que havia de ser suficiente, só agora percebi, o quanto estava enganado, em como fazem exactamente o contrario.

É engraçado o quão redondamente conseguimos estar enganados acerca de algo que julgávamos entender tão bem. Agora sei que sou a base que sustenta este triângulo amoroso, que sou tudo aquilo que ele não é, e que cada mensagem devolve á tua vida aquilo de que ela tem falta, aventura, romance, loucura. "Não há paixão que resista á falta de segredos" e é isso que eu sou, o teu segredo, um que guardas no peito e te aquece a alma sempre que a chama da vossa paixão fraqueja, e te faz aguentar mais um dia, mais uma mês, mais um ano... sei lá eu há quanto tempo isto dura. Foi sempre assim, desde o inicio.

Pactuei com tudo aquilo a que me propus acabar, cada doce palavra certificou-se disso, até mesmo estas. Mas agora sei, e sabendo, falta-me só a coragem de não ir a correr da próxima vez, e quem sabe se a próxima vez, não é a vez que o deixas... de vez.
Free counter and web stats